Logo logoPais SPDM – Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina



Quando chamar o SAMU?


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência deve ser acionado pela população somente em situações que representem risco de morte ou de sequelas graves ao paciente.

Exemplos de quando chamar o SAMU pelo telefone 192:

- Em casos de problemas cardiorrespiratórios.
- Em casos de intoxicação exógena ou envenenamento.
- Em casos de queimaduras graves.
- Na ocorrência de maus-tratos.
- Em trabalhos de parto em que haja risco de morte para a mãe e para o feto.
- Em casos de tentativas de suicídio.
- Em crises hipertensivas.
- Em casos de desmaios.
- Quando houver acidentes/traumas com vítimas.
- Em casos de afogamento ou engasgo.
- Em casos de choque elétrico.
- Em acidentes com produtos perigosos.
- Em casos de crise convulsiva.
- Na transferência inter-hospitalar de doentes graves.

Ao chamar o SAMU, lembre-se:

Tente responder a todas as perguntas solicitadas, mantenha a calma e não desligue o telefone até falar com o médico da “central de urgência” – médico regulador. As informações colhidas são de extrema importância para definir o tipo de ambulância que será enviado e as orientações que serão fornecidas até a chegada da equipe do SAMU ao local. Em hipótese alguma passe trotes, pois TODAS as ligações são gravadas e vidas podem ser perdidas ao ocupar o telefone 192. Cumpra seu dever de cidadão e utilize o SAMU com responsabilidade. Ligue para o SAMU somente se estiver diante de uma situação de emergência.



SAMU - Santa Catarina

Home
Notícias
EducaSamu
Trabalhe conosco
SAU
Fale conosco
SPDM
Quem Somos
Objetivos
O Samu em SC
Como Funciona
Centrais de Regulação
Unidades de Intervenção
Quando Acionar o Samu
SPDM - Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina - Todos os Direitos Reservados